RETROSPECTIVA (teatro de ano novo)

RETROSPECTIVA

 Personagens:  Ano Velho (homem de cabelos e barba brancos, anda encurvado com bengala), Corpo, Mente, Espírito, Influência, Bens, Oportunidades, Dirigente e bebê.

 (Cenário: uma poltrona, onde se assentará o Ano Velho após sua fala. Todos os personagens terão uma faixa contendo a palavra que representam presa à roupa, que poderá ser uma túnica de batismos, por representarem coisas abstratas).

 ANO VELHO – Ah, estou tão cansado… Já estou chegando ao fim… Todos falam que passei muito depressa… O tempo é assim mesmo, não pára, não espera, não volta… Meu tempo está acabando… Daqui a pouco estou indo embora pra não mais voltar.

 DIRIGENTE –  Foram 365 dias… 8.760 horas que estiveram igualmente à disposição de todos. Uns souberam utilizar bem o tempo, outros nem tanto. O sábio apóstolo Paulo aconselhou: “aproveitem bem o tempo, pois os dias são maus…” E você, usou seu tempo este ano com sabedoria? O último dia do ano é um ótimo momento para uma retrospectiva. Por que você não aproveita este tempo para analisar cada área da sua vida neste ano que passou?

 CORPO – Nosso corpo é como um vaso de barro que contém um precioso tesouro. Não devemos nos esquecer que este vaso é frágil, por isso necessita ser bem cuidado. É  preciso que haja equilíbrio entre trabalho e descanso. E é muito importante cuidar da saúde, pois o corpo é templo do Espírito Santo de Deus, o tesouro que habita nos que crêem. Você tem cuidado bem do seu corpo? Tem se alimentado com sabedoria? Tem se mantido longe dos vícios? O que você fez do seu corpo durante este ano?

 MENTE – A mente é a sede da alma. É ela quem controla os sentimentos, pensamentos, vontades e as escolhas que fazemos. Deus deu à nossa mente uma capacidade extraordinária de raciocinar, criar e memorizar. No livro dos Provérbios, Ele nos diz que adquirir sabedoria e o conhecimento é melhor do que a prata e o ouro. Devemos explorar todo o potencial da nossa mente e usá-la somente para o bem, para glorificar ao Senhor. Você tem obedecido à ordem de Deus para pensar somente nas coisas que são de cima? Tem cultivado somente os pensamentos sadios e que edificam? Tem procurado amar a Deus de todo o teu entendimento?

 ESPÍRITO – O espírito é a parte mais importante do nosso ser, pois é a nossa essência. Somos seres espirituais. Portanto é a área que requer maior investimento de tempo e atenção. Nossa felicidade consiste em entregarmos nosso espírito humano ao controle do Espírito Santo de Deus. Desta forma teremos uma mente renovada segundo os padrões divinos e os desejos da carne controlados. Isto só é possível se mantivermos uma vida de comunhão diária com o Senhor. Como foi sua vida espiritual neste ano? Passou aos pés do Senhor, buscando um coração humilde e obediente ao Pai?

 INFLUÊNCIA – O homem é um ser social capacitado a influenciar e sujeito a receber influência do meio onde vive. Jesus disse que a luz do cristão deve resplandecer diante dos homens para que vejam suas boas obras e glorifiquem ao Pai. Sua luz brilhou intensamente no ano que findou? Exalou o perfume de Cristo em seu lar, sua escola, seu trabalho, em sua igreja e na sociedade?  

BENS –  A  Terra e tudo que nela há pertence a Deus. Nada é nosso, somos apenas administradores dos nossos bens. Nossas posses, nosso dinheiro representa nossa energia, nossa vida. Deve ser usado com responsabilidade e não desperdiçado. O dinheiro deve ser nosso servo, mas nós não devemos ser servos do dinheiro. Jesus, apesar de ser o Criador do Universo, viveu neste mundo com simplicidade e deu pão ao faminto. Ele nos ensinou a não nos preocupar em ajuntar tesouros na terra, mas ajuntar tesouros no céu. Você tem administrado com sabedoria os bens que Deus te deu? Você tem expressado o amor ao próximo através de seus bens ou tem vivido egoisticamente?

 OPORTUNIDADES – Certa vez Jesus contou uma parábola, dizendo: (narração ou encenação da parábola dos talentos – Mat. 25:14-30).

  Todos nós fomos abençoados por Deus com habilidades ou dons, que nos foram entregues como oportunidades para contribuir com o crescimento do seu Reino. Nesta parábola pudemos ver que nada que temos pertence a nós, somos apenas administradores de tudo o que Deus deixou sob nosso cuidado. As pessoas possuem capacitações diferentes, por isto uns recebem mais dons, outros menos, mas todos recebem. Deus não nos dá mais do que podemos desenvolver e não nos pede nada além das nossas forças. O servo fiel foi honrado e recompensado por ter cumprido o seu dever. O servo infiel negligenciou as oportunidades recebidas e ficou sem nada.

Você está preparado para prestar contas ao seu Senhor de tudo que ele colocou sob sua administração? O que você tem feitos das oportunidades que Deus tem lhe dado?  

– MÚSICA de fundo suave.

 DIRIGENTE – Após esta retrospectiva peço que todos fechem seus olhos por um momento. Qual a sua avaliação de mais este ano que Deus te deu?… (pausa) Foi um bom ano? Aproveitaram bem o tempo? (pausa) Talvez você concluiu que poderia ter sido melhor… Continuem de olhos fechados…

  (ALGUÉM ENTREGA-LHE UM BEBÊ COM A FAIXA “ANO NOVO”, ENQUANTO O ANO VELHO SE RETIRA)

 Mas não se desanime! Abra os olhos e veja! O ano novo é como esta criança, cheia de vida! Como esta vida que se inicia, o ano novo se inicia cheio de planos, promessas e sonhos. Cada novo ano é um recomeço, é uma nova oportunidade que Deus está lhe dando de ser um servo melhor, um filho ou filha melhor, um pai, uma mãe melhor, um amigo melhor… Cada novo ano é um presente de Deus e deve ser vivido com muito amor. O amor é o resumo de tudo o que Deus espera de nós e é a chave para abrir um ano novo abençoado!!! 

TODOS – “Agora permanecem estes três: a fé, a esperança e o amor, mas o maior destes é o AMOR!”  FELIZ… (data)! FELIZ ANO NOVO COM MUITO AMOR!

(Leila R. Lança de Oliveira)

Anúncios